Data: 03/09/2021 14:36 / Autor: Redação / Fonte: PMETRP

Ipês amarelos embelezam e chamam a atenção em Ribeirão Pires

Os ipês amarelos vêm encantando turistas e moradores da cidade nesse período que é o de florescimento da espécie


A época de florescimento dos Ipês Amarelos em Ribeirão Pires tem chamado a atenção de moradores e visitantes da cidade. Exatamente no período entre julho e setembro, as árvores florescem e chamam bastante a atenção das pessoas por sua exuberância.

“A florada do Ipê Amarelo especificamente é sempre entre o fim do inverno e o começo da primavera, que é justamente a época em que estamos agora”, disse o biólogo da prefeitura, Renato Abbade Silva.

A espécie é oficialmente considerada a flor nacional, desde 1961, e em Ribeirão Pires é uma espécie protegida pelo Código Municipal do Meio Ambiente.

"É uma coisa maravilhosa a gente poder caminhar e ver esses ipês amarelos aqui na cidade", declarou uma moradora que passava por uma das árvores da Avenida Valdírio Prisco.

“Para nós é um espetáculo visual, mas tem uma importância para a árvore, já que as flores vêm para a reprodução, quando elas abrem a polinização tem início, principalmente pensando nas abelhas e nos beija-flores, que vão pegar o néctar e passam de uma planta para a outra, realizando a fecundação” explicou o biólogo.

Além da beleza, o ipê amarelo se destaca por ser uma árvore extremamente resistente. A espécie é muito pesada e de casca dura, o que a ajuda na sua força contra parasitas e umidade, ela ainda tem uma durabilidade muito grande contra condições desfavoráveis de clima e de umidade.

Ipê Amarelo - A árvore pode alcançar entre seis e 14 metros com um tronco que pode chegar a até 50 centímetros de espessura. As flores amarelas costumam aparecer entre julho e setembro e anunciam a chegada da primavera. Devido a sua beleza a espécie é geralmente utilizada em projetos paisagísticos.

Os ipês são considerados as flores nacionais desde 1961
Os ipês são considerados as flores nacionais desde 1961

Crédito: PMETRP

Comente aqui