Data: 30/07/2021 09:33 / Autor: Redação / Fonte: Curta!

Documentário 'Tribalistas' é a atração do Curta!

Marisa Monte, Arnaldo Antunes e Carlinhos Brown são a atração no canal


Marisa Monte, Arnaldo Antunes e Carlinhos Brown em “Tribalistas”
Marisa Monte, Arnaldo Antunes e Carlinhos Brown em “Tribalistas”

Crédito: Divulgação/Curta!

Quinze anos haviam se passado após a estreia do grupo musical que se tornara um fenômeno entre o público e a crítica, os Tribalistas, quando, em 2017, o trio formado por Arnaldo Antunes, Carlinhos Brown e Marisa Monte se reuniu novamente em estúdio para a gravação do seu segundo disco. Os bastidores desse reencontro, bem como as canções que surgiram a partir dele, foram registrados pelas câmeras da diretora Dora Jobim. As imagens se tornaram o documentário musical “Tribalistas”, que chega ao canal Curta!. A produção está disponível também no Curta!On, streaming no NOW da NET/Claro ou em curtaon.com.br, no Especial Marisa Monte, que reúne vários shows da cantora, de turnês e extras dos bastidores.

Além dos três artistas, músicos renomados como Dadi Carvalho, Cézar Mendes, Pretinho da Serrinha e Pedro Baby participaram do disco, que trouxe dez composições inéditas. Entre elas, sucessos como “Diáspora”, composta pelos próprios Tribalistas; “Ânima”, dos três junto com Cézar Mendes; e “Os Peixinhos”, também do trio, dessa vez com a fadista portuguesa Carminho.

As canções são apresentadas entre conversas descontraídas que revelam a relação de amizade e a profunda sintonia entre Arnaldo, Brown e Marisa. O disco alcançou as primeiras colocações nas paradas de sucesso do Brasil e de países como Argentina, Chile, Portugal e Espanha. A exibição é na Segunda da Música, 2 de agosto, às 23h.

Segundo episódio da série sobre o voto feminino nos EUA mostra divergências entre sufragistas

Ainda que o movimento sufragista tenha ganhado maior adesão e que o voto tenha sido adotado em alguns estados norte-americanos, ainda havia muito a se avançar para que todo o país fizesse o mesmo. Na segunda parte da série inédita “O Voto – A História das Sufragistas”, vemos que eram várias as divergências entre as componentes do movimento.

Além de questões regionais, raciais e geracionais em um momento em que já havia duas gerações de sufragistas, também eram debatidas as estratégias a serem tomadas. Porém, mesmo entre as discordâncias, as sufragistas conquistaram vitórias fundamentais para avançar em seus propósitos. A exibição é na Sexta da Sociedade, 06 de agosto, às 23h.

Segunda da Música (MPB, Jazz, Soul, R&B) – 2/08

23h – “Tribalistas” (Documentário)

Quinze anos após o fenomenal sucesso de seu primeiro álbum, os Tribalistas estão de volta. O trio formado por Arnaldo Antunes, Carlinhos Brown e Marisa Monte lançou seu segundo CD, em 2017, com dez faixas inéditas e autorais, entre elas, “Diáspora”, “Um só”, “Fora da memória” e “Aliança”. O documentário, recheado de música, foi filmado durante as gravações desse disco, entre os meses de março e abril daquele ano. Além de mostrar os bastidores da gravação do álbum, o filme celebra a cumplicidade e a parceria entre os três amigos e tem como foco principal as novas composições, gravadas no Rio de Janeiro ao lado dos músicos Dadi Carvalho, Cézar Mendes e Pedro Baby, entre outros. Direção: Dora Jobim. Duração: 51 min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 3 de agosto, terça-feira, às 03h e 17h; 4 de agosto, quarta-feira, às 11h; 7 de agosto, sábado, às 16h.

Terça das Artes – 3/08

22h05 – “Evoé - Retrato de Um Antropófago” (Documentário)

Um filme que mistura de forma labiríntica depoimentos recentes e imagens históricas da carreira do diretor, ator e dramaturgo José Celso Martinez Corrêa, do Teatro Oficina. O documentário foi construído em viagens a cinco pontos-chave da trajetória de Zé Celso: o Sertão da Bahia, a Praia de Cururipe, em Alagoas, as cidades de Epidaurus e Atenas, na Grécia, e o apartamento de São Paulo. Com acesso livre ao infindável e sempre crescente arquivo de imagens e sons do Grupo Oficina, misturados com imagens contemporâneas, constrói-se aqui uma visão muito particular de uma das maiores personalidades das artes do Brasil de todos os tempos. Diretores: Elaine Cesar e Tadeu Jungle. Direção: Tadeu Jungle, Elaine Cesar Duração: 104 min. Classificação: 16 anos. Horários alternativos: 04 de agosto, quarta-feira, às 02h05 e às 16h05; 5 de agosto, quinta-feira, às 10h05; 07 de agosto, sábado, às 21h45;

Quarta de Cinema (Filmes e Documentários de Metacinema) – 4/08

22h35 – " Torquato, Imagem da Incompletude” (Documentário)

Poeta, jornalista, letrista, Torquato Neto entrou para a história da cultura brasileira por sua originalidade e transgressão. O artista piauiense esteve diretamente ligado a movimentos artísticos de vanguarda, como a Tropicália, o cinema marginal e a poesia concreta. O filme propõe uma reflexão sobre a vida, a obra e o pensamento de Torquato Neto, destacando a sua produção vigorosa, que se encerrou precocemente com seu suicídio, aos 28 anos, em 1972. Entre as obras relembradas estão a revista “Navilouca”, o filme “Terror da Vermelha” e sua atuação na coluna jornalística “Geleia Geral”, que ajudou a disseminar a arte de vanguarda brasileira da época. Diretores: Danilo Carvalho e Guga Carvalho. Duração: 70 min. Classificação: 12 anos. Horários Alternativos: 05 de agosto, quinta-feira, às 02h35 e 16h35; 06 de agosto, sexta-feira, às 10h35; 07 de agosto, sábado, às 14h35;

Quinta do Pensamento (Literatura, Filosofia, Psicologia, Antropologia) – 5/08

21h - “Saudade” (Série) - Ep. “Corpo e Saudade”

No quinto episódio da série “Saudade”, a coreógrafa carioca Deborah Colker, o diretor teatral paulista Zé Celso Martinez Corrêa e a dançarina portuguesa Olga Roriz definem como a saudade está presente na produção artística que utiliza a expressão corporal. Diretores: Paulo Caldas, Bárbara Cunha. Duração: 53 min. Classificação: 10 anos. Horários Alternativos: 06 de agosto, sexta-feira, às 1h e 15h; 07 de agosto, sábado, às 19h10; 08 de agosto, domingo, às 11h40

Sexta da Sociedade (História Política, Sociologia e Meio Ambiente) – 6/08

23h – “O Voto: A História das Sufragistas” (Documentário em quatro partes) – Episódio 2

A segunda parte da série documental continua a traçar a ascensão da militância sufragista nos Estados Unidos. Embora estimulante para muitos, essa ação radical também gerou divisões. Diretor: Michelle Ferrari. Duração: 52 min. Classificação: 12 anos. Horários alternativos: 10 de julho, sábado, às 03h; 11 de julho, domingo, às 19;

Sábado – 7/08

20h10– “Geografia da Arte” (série) - Ep. “Yves Saint-Laurent + Marrakech”

Yves Saint Laurent era o mais importante estilista internacional nos anos 1970 quando se apaixonou pelo Marrocos. A partir de então, ele e seu companheiro, Pierre Bergé, mantiveram casas em Marrakech, desenvolvendo uma forte relação com a cultura local. Um retrato sobre o amor do estilista pelo paraíso marroquino, onde ele mantinha o mágico Jardin Majorelle, sua casa preferida e onde suas cinzas foram espalhadas após a sua morte, em 2008. Diretores: Guto Barra e Tatiana Issa. Duração: 52 min. Classificação: Livre.  

Domingo – 8/08

20h30 – “Salve o Prazer” (Documentário)

Um mergulho na vida e obra do fotógrafo, cenógrafo e artista plástico Carlos Filho, conhecido como Cafi. Pernambucano radicado no Rio de Janeiro, ele participou da vida cultural brasileira durante quatro décadas, desde os anos 1960 até sua morte no réveillon de 2019. Entre os seus trabalhos, estão muitas capas históricas de discos de grandes nomes da música brasileira. Foram quase 300 no total, começando com o icônico “Clube da Esquina”. O próprio Cafi conduz a narrativa do filme, relembrando histórias, encontrando velhos parceiros e revelando novos olhares. Diretores: Lírio Ferreiar e Natara Ney. Duração: 52 min. Classificação: 14 anos.

Comente aqui