Data: 29/11/2021 20:15 / Autor: Redação / Fonte: Prefeitura de Rio Grande da Serra

Prefeitura de Rio Grande da Serra promove testagem de HIV, Sífilis e Hepatite B e C

A atividade faz parte das ações de conscientização do Dia Mundial de Luta contra a Aids, a ser celebrado em 1º de dezembro


Crédito: Divulgação

Para conscientizar as pessoas em relação às doenças sexualmente transmissíveis e quebrar a cadeia de transmissão, a Prefeitura de Rio Grande da Serra, em parceria com o Governo do Estado, realiza a campanha anual “Fique Sabendo”. A atividade, inserida nas ações de conscientização do Dia Mundial de Luta contra a Aids, consiste em promover a testagem rápida de HIV, Sífilis, e Hepatite B e C, cujo resultado sai no mesmo dia.

A ação começou nesta segunda-feira (29/11), na Praça da Bíblia, no Centro, e será retomada amanhã, (30/11), no mesmo local, das 13h às 16h. Na quarta-feira (01/12), segue das 9h às 12h. Já na quinta-feira (2/12), será das 13h às 16h.

A campanha tem o objetivo de estimular as pessoas fazerem o teste, com garantia de sigilo, confiança, qualidade no processo diagnóstico, vinculação à referência e acesso oportuno ao tratamento. “Esta ação intensifica um trabalho que o SUS realiza todo o ano voltado à prevenção das ISTs (Infecções Sexualmente Transmissíveis). Infelizmente ainda há pessoas que não sabem que têm a doença”, afirmou o secretário de Saúde, Dr. Tchello Pierro.

De acordo com o titular da Pasta de Saúde, após a massificação do coquetel de medicamentos que auxilia no combate à Aids, a população mais jovem deixou de se prevenir. “Frente a isso, o município programou ações para diagnóstico precoce e, assim, encaminhamos quem tiver a doença para tratamento”, complementou.

TESTES NAS UBS

A partir da segunda quinzena de dezembro, a população de Rio Grande da Serra poderá fazer esta testagem nas UBS cidade. As equipes de enfermagem das UBS estão passando por capacitação para fazer os exames e tratamento das ISTs. Após a conclusão do treinamento, as profissionais da Saúde estarão aptas para fazerem os testes e direcionar os casos positivos aos municípios da região para a realização de tratamento.

Comente aqui