Data: 24/06/2021 10:32 / Autor: Redação / Fonte: Sicredi Vale do Piquiri

Sicredi Vale do Piquiri oferece opção de pagamentos via WhatsApp

Solução também tem como objetivo ajudar associados no recebimento de pagamentos


Crédito: Reprodução

Recentemente, o WhatsApp anunciou a chegada do serviço de pagamentos no Brasil via plataforma de mensagens. Os usuários do aplicativo poderão transferir dinheiro sem taxas e com muita facilidade.

Para os 116 mil associados da Sicredi Vale do Piquiri começarem a utilizar o serviço, basta instalarem a versão atualizada do WhatsApp no celular, possuir um cartão Sicredi com a funcionalidade de débito ou conta digital Woop Sicredi e realizar o cadastro no WhatsApp usando o Facebook Pay. 

Neste início, os pagamentos no WhatsApp funcionarão apenas para transferências entre pessoas físicas. Os associados podem enviar até R$1 mil por transação e receber 20 transações por dia com um limite de R$5 mil por mês.

“Os meios de pagamentos inovadores e sem contato estão crescendo cada dia mais. Acredito que esse novo serviço irá ajudar nossos associados a fazerem e receberem seus pagamentos de forma rápida e segura”, comenta Maurício Guerra, gerente de desenvolvimento de negócios na Sicredi Vale do Piquiri Abcd PR/SP.

A Sicredi Vale do Piquiri se junta a outras instituições financeiras que também estão oferecendo o serviço. Lembrando que além do WhatsApp distribui-lo para usuários em todo o Brasil, as instituições participantes poderão enviar convites com um link que permite a atualização e inclusão do serviço de pagamentos no WhatsApp. Na Sicredi, os convites serão disparados de forma aleatória por meio do aplicativo da instituição, sempre em ambiente protegido pelo login dos usuários.

Guerra também acredita que os pagamentos via WhatsApp irão ajudar muitas pessoas que não ainda não têm acesso a bancos, assim, podendo participar do mercado. “Essa ferramenta facilitará a vida da enorme massa de desbancarizados que temos no país”, concluí o executivo.

Os associados poderão confirmar os pagamentos pelo próprio chat e terão acesso ao histórico de transferência no próprio aplicativo.

Comente aqui