Data: 24/11/2021 09:28 / Autor: Kreitlon Pereira / Fonte: Via Streaming

Via Streaming - Antes tarde do que nunca

Com filmagens inéditas dos Beatles, a Disney Plus lançará a série documental “Get Back” no final de novembro


Os Beatles certamente foram – e ainda são – um dos grupos mais influentes da história da música no mundo. Apesar do relativo curto período de tempo em que estiveram juntos – entre 1960 e 1970 -, a produção da banda é algo impressionante. Com um repertório de álbuns de estúdio, Paul McCartney, John Lennon, George Harrison e Ringo Starr revolucionaram o cenário de produção cultural e musical do Século XX, influenciando artistas e ganhando fãs até os dias de hoje. Por conta disso, a notícia de que a Disney Plus disponibilizará o documentário “The Beatles: Get Back” a partir do dia 25 de novembro vem gerando uma grande expectativa em torno dos fãs da banda.

A produção original do serviço de streaming possui mais de 6 horas e será dividida em três episódios, que serão disponibilizados em dias consecutivos para o acesso de todos os usuários da plataforma. O documentário utilizará de imagens inéditas dos integrantes da banda em 1969, durante os ensaios do que viria ser o último álbum a ser lançado do grupo: o icônico “Let It Be”. Além disso, a produção irá acompanhar os preparativos para o último show ao vivo dos Beatles – depois de quase 3 anos sem fazer uma turnê –, que foi realizado no telhado da gravadora da banda (Apple Records).

Apesar de não ter sido o último disco gravado pelos Beatles, “Let It Be” foi o último a ser lançado e marcou o fim da banda mais influente de todos os tempos. Tal demora decorreu por conta dos atritos existentes entre os membros do grupo, que já não estavam tão interessados em participar do projeto idealizado por Paul de filme documental e álbum ao vivo. O fato é que “Let It Be” – originalmente pensado com o título “Get Back” – é fruto de um grande trabalho por parte dos produtores musicais e, mesmo assim, é um grande disco. Sendo que, a partir do dia 25, será possível entender melhor o seu processo de criação.

Crédito: Divulgação

Comente aqui