Data: 30/07/2021 19:16 / Autor: Redação / Fonte: Vôlei Brasil

VÔLEI DE PRAIA: Duplas do Brasil estreiam com vitórias no sul-americano sub-19 na Bolívia

Competição também serve como classificatório para o mundial da categoria que acontece em setembro na Tailândia


Crédito: Divulgação

A tradição brasileira no vôlei de praia foi determinante no primeiro dia do sul-americano sub-19 da modalidade, que acontece em Cochabamba (BOL). Nas duas rodadas realizadas ao longo desta sexta-feira (30.07), Maria Fernanda/Carolina Sallaberry (RJ) e Samuel/Nicolas (SC/RS) venceram as respectivas partidas que disputaram na arena do Club Olympic. A competição também serve como classificatório para o mundial da categoria que acontece em setembro na Tailândia.

No torneio feminino, no grupo A Maria Fernanda e Carolina Sallabery começaram o dia vencendo Marcela e Danae, do Chile, de virada com parciais de 18/21, 21/19 e 15/9. No segundo compromisso as cariocas conseguiram novo triunfo, desta vez mais tranquilo, contra Isabel e Alvira, da Colômbia, 2 sets a 0 – 21/13 e 21/14. O treinador da dupla feminina do Brasil, Marcelo Carvalhaes, o Big, comentou sobre o desempenho da estreia das atletas.

“O primeiro jogo foi mais nervoso por ser a primeira experiência das meninas com a camisa do Brasil. Enfrentamos uma dupla chilena muito boa, que tem volume de jogo, vira bola bem, mas conseguimos a vitória. Já no segundo jogo elas estavam mais soltas, se encontraram em quadra, o saque e a virada de bola funcionaram melhor. Cada jogo elas vão se soltando e tendo melhor desempenho. Tem também o peso da camisa que conta, mas é uma grande experiência para elas estarem na disputa aqui”, contou Big.

Pela chave masculina, em que todos jogam entre si, Samuel e Nicolas (SC/RS) começaram com boa vitória sobre Usaqui/La Jara, do Peru, por 2 sets a 0 (21/4 e 21/6). Mais tarde os rapazes brasileiros levaram a melhor sobre os paraguaios Pancho e Santi novamente em dois sets diretos, parciais de 21/15 e 21/14. O técnico da dupla, Róbson Xavier, gostou do que viu no primeiro dia de competição.

“Hoje foi dia de estreia, a primeira vez deles com a camisa do Brasil. Enfrentamos um adversário com um nível técnico bem inferior ao nosso, depois tivemos um jogo contra uma dupla mais estruturada. Neste duelo contra os paraguaios o nosso time cometeu alguns erros por ansiedade, e deixou o jogo mais equilibrado. Conseguimos acertar tudo e eles se saíram muito bem com uma atuação sólida. A camisa brasileira pesa, e, apesar de eles terem já jogando torneios do Circuito Brasileiro, jogar um campeonato internacional tem outros aspectos envolvidos, e eles foram bem nesse primeiro desafio”, analisou Robson.

O torneio segue neste sábado (31.07) com mais jogos envolvendo as duplas brasileiras. No feminino Maria Fernanda e Carolina Sallaberry enfrentam Shirley/Vinatea, do Peru. Em caso de mais uma vitória elas avançam direto para as semifinais, que acontecem somente no domingo (01.08). Já Samuel e Nicolas terão mais dois compromissos. Primeiro encaram Mosquera/Castillo (COL), e, depois, será a vez de medirem forças com Zaconeta/Nuñez, da Bolívia. Os horários dos jogos ainda serão definidos pelo comitê organizador.

O sul-americano sub-19 classificará as cinco primeiras duplas de cada gênero para o mundial da categoria que acontecerá em Roi Et, na Tailândia, entre os dias 14 e 19 de setembro.

Comente aqui