Data: 28/07/2021 14:59 / Autor: Redação / Fonte: PMD

Diadema promove ação “Você sem Hepatites” para estimular diagnóstico no Julho Amarelo

Hoje (28/07) é celebrado o Dia Mundial de Luta contra as Hepatites Virais. Diadema aproveita a data para alertar sobre a importância do diagnóstico precoce


Diadema promove ação “Você sem Hepatites” para estimular diagnóstico no Julho Amarelo
Diadema promove ação “Você sem Hepatites” para estimular diagnóstico no Julho Amarelo

Crédito: Divulgação/PMD

O Programa Municipal de Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST/Aids) e Hepatites Virais de Diadema, juntamente com a Secretaria Municipal da Saúde e o Quarteirão da Saúde, promoveu ao longo desse mês uma ação educativa chamada “Você sem Hepatites”, para incentivar o diagnóstico e o tratamento da doença no Sistema Único de Saúde (SUS). A iniciativa faz parte do “Julho Amarelo”, mês que marca a Campanha Mundial de Conscientização sobre as Hepatites Virais.

A hepatite pode ser definida como uma infecção que atinge o fígado, causada por vírus, uso de alguns remédios, álcool e outras drogas ou doenças autoimunes, metabólicas e genéticas e que pode ocasionar alterações leves, moderadas ou graves. E, quando surge, pode apresentar os seguintes sintomas: cansaço, febre, mal-estar, tontura, enjoo, vômitos, dor abdominal, pele e olhos amarelados, urina escura e fezes claras.

“É importante lembrar que diante de qualquer sintoma é necessário fazer o teste, pois muitas pessoas que possuem a doença podem não saber, já que na maioria das vezes são infecções silenciosas, ou seja, não apresentam sintomas”, explicou Alexandre Yamaçake, coordenador do Programa de IST/Aids e Hepatites.

De acordo com os dados parciais do Programa Municipal de IST/Aids e Hepatites Virais,em Diadema, as hepatites mais comuns são causadas pelos vírus A, B e C, seguindo a mesma tendência do registrado no país. A evolução da doença pode variar de acordo com o tipo de vírus. Nos tipos A e E, por apresentarem formas agudas da doença, o indivíduo pode se recuperar completamente, eliminando o vírus do organismo. Já nos tipos B, C e D, por apresentar as formas agudas e crônicas da infecção, a doença pode persistir no organismo por mais de seis meses.

As hepatites virais são doenças de notificação compulsória, ou seja, cada ocorrência deve ser notificada por um profissional de saúde, já que esse registro ajuda no mapeamento dos casos no país e na definição de política públicas para o setor.

Lembrando que todas Unidades de Saúde de Diadema, inclusive o CTA - Centro de Testagem e Aconselhamento (situado no Quarteirão da Saúde), fazem o teste rápido de hepatites B e C. O teste rápido é seguro, sigiloso e gratuito.

O CTA (Centro de Testagem e Aconselhamento) em ISTs/HIV/Aids e Hepatites Virais atende sob demanda espontânea, ou seja, sem necessidade de agendamento prévio, de segunda à sexta-feira, das 7h às 19h, com equipe multidisciplinar (psicólogos, enfermeiros e assistente social) voltada à estratégia para qualidade do diagnóstico e atenção à saúde.

Testagem Rápida

No último sábado (24), a Coordenação de Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST)/Aids e Hepatites Virais realizou uma ação de testagem rápida no Teatro Clara Nunes, como parte das celebrações do Orgulho LGBTI+ na cidade de Diadema.

Na ocasião foram realizados 248 testes, sendo 62 de cada agravo: HIV, hepatites B e C e sífilis.

Também foi feita a distribuição gratuita de preservativos, gel lubrificante e kits de autoteste para HIV.

Serviço:

Centro de Referência em Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTS), HIV/AIDS e Hepatites Virais / Quarteirão da Saúde.

Avenida Antônio Piranga, 700 – Centro.

Comente aqui