Data: 03/12/2021 19:46 / Autor: Redação / Fonte: Prefeitura de São Bernardo do Campo

Orlando Morando e Queiroga entregam 1ª radioterapia pública da região no Hospital Anchieta

Com o novo serviço, o município se torna referência no tratamento de alta complexidade de oncologia no Grande ABC


Crédito: Omar Matsumoto / PMSBC

A Prefeitura de São Bernardo recebeu, nesta sexta-feira (03/12), um importante reforço no tratamento de pacientes oncológicos e passa a ser a primeira cidade a ofertar o serviço de radioterapia pública do Grande ABC, implantado no Novo Hospital Anchieta. Com discurso uníssono de que Saúde é prioridade, a entrega do equipamento foi feita pelo prefeito Orlando Morando e pelo ministro da Saúde Marcelo Queiroga, com presença da deputada estadual e primeira-dama, Carla Morando, do secretário de Saúde, Dr. Geraldo Reple Sobrinho, do vice-prefeito Marcelo Lima, entre outras autoridades.

Com o novo serviço, o município será referência no tratamento de oncologia de alta complexidade. A radioterapia é uma especialidade cujo objetivo é, majoritariamente, oferecer tratamento oncológico com radiações ionizantes para destruir ou impedir que as células de um tumor aumentem. A estimativa é que cerca de 60% dos pacientes oncológicos precisarão de radioterapia em algum momento do tratamento.

Para Morando, o investimento é uma grande conquista para São Bernardo, que se tornou referência em qualidade na saúde pública. “Estamos honrados por ter recebido mais este aporte do governo Federal, que já nos ajudou a equipar o Hospital de Urgência para atender às vítimas da Covid-19, e que neste momento, atende também as demais patologistas, como o câncer, que precisam tanto da nossa atenção. Com o novo serviço implantado, o Hospital Anchieta segue pujante e salvando vidas”, destacou Orlando Morando.

A nova aquisição mostra a versatilidade do Hospital Anchieta, que, apesar de antigo, se reinventa a todo momento na história de São Bernardo e que retoma a vocação anterior à pandemia, com o tratamento de pacientes oncológicos. “Hoje é um dia de muita gratidão para todos nós profissionais de Saúde. Retomamos o tratamento de pacientes com câncer no novo Anchieta, que já foi hospital geral, maternidade, unidade exclusiva para Covid-19 e hoje recebe a radioterapia, uma máquina muito importante e que fazia falta na nossa cidade”, declarou o secretário municipal de Saúde, Dr. Geraldo Reple Sobrinho. Até então, os serviços deste tratamento precisavam ser terceirizadas.

Durante sua fala, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, fez uma breve prestação de contas sobre o tempo de serviço à frente do cargo, com foco no combate à pandemia de Covid-19 e os recursos empregados pelo governo Federal, em torno de R$ 26 bilhões. “E que este legado de investimento em política pública continue sempre vivo para os 210 milhões de brasileiros”, citou.

Comente aqui