Data: 23/09/2021 20:07 / Autor: Redação / Fonte: Prefeitura de São Bernardo do Campo

São Bernardo publica edital de concorrência pública para implantação de farmácia no Paço

Futuro estabelecimento será instalado no térreo do prédio do Executivo, em espaço junto ao atendimento ao público


Crédito: Omar Matsumoto / PMSBC

Em mais uma ação de otimização dos espaços públicos, com ênfase na abertura de novos empregos e negócios, a Prefeitura de São Bernardo abriu concorrência pública para instalar uma farmácia em área ociosa no térreo do prédio do Paço Municipal, nas proximidades da recepção de atendimento ao público. A licitação está publicada e as propostas serão abertas no 7 de outubro, permitindo a exploração de área de 166 metros quadrados.

O novo projeto seguirá o modelo executado em 2020, que permitiu a instalação de um restaurante dentro do prédio do Paço, onde funcionava uma agência bancária. A permissão foi um êxito e segue com muitos clientes no cotidiano.

“É mais uma oportunidade de otimizar espaço, com geração de emprego e renda. Uma estrutura de ótimo tamanho para um segmento necessário, que é a farmácia. Fica localizado em um dos principais corredores da nossa cidade e com uma quantidade expressiva de pessoas que passam por aqui”, destacou o prefeito Orlando Morando.

A farmácia poderá ter horário próprio de funcionamento, independentemente do horário de expediente do Executivo. O estabelecimento buscará atender o público que frequenta o Executivo, Câmara e toda região central do Paço.

O vencedor deverá oferecer a maior oferta de valor mensal, que tem valor mínimo estipulado em R$ 7.750,00 por mês. Após finalização da disputa, o permissionário vencedor terá prazo de 150 dias para a adequação do espaço e pleno funcionamento. A empresa que ganhar poderá explorar o local por 10 anos.

A Prefeitura terá obrigação de fiscalizar o local com intenção de verificar se especificações assinadas no contrato estão sendo seguidas pelo permissionário. Caberá ao vencedor do edital arcar com os custos da água, do telefone, energia elétrica, despesa com seguros e encargos trabalhistas.

“A gestão Orlando Morando se preocupa com o desenvolvimento econômico e social da cidade e, com essa iniciativa, além de gerar emprego e renda, traz benefícios aos servidores públicos e ao público em geral", adicionou o secretário de Administração e Inovação, Adler Kiko Teixeira.

Comente aqui